José Paulo Despede-se da Casa Legislativa

0
54

Ao fazer uso da Tribuna Livre, José Paulo Mallmann (PSC) cumprimentou a todos e explanou sobre o projeto na área do Esporte levantado por ele na sessão passada retratando o seu esquecimento quanto a colaboração de Milton Leidens na Licrufa entre 2010 e 2013. Registrou o retorno das equipes Vinte e Dois de Novembro e Independente que ocorreu na “Copa 50 Anos” sob a sua coordenação.

Falou sobre o Programa de Sucessão Agrícola colocando o prospecto à disposição da Administração Municipal. Relatou que o proprietário da empresa Gesso Piá solicitou alguns serviços mas não foi contemplado e pediu que o trabalho seja realizado.

Direcionou a sua fala aos vereadores, principalmente aos de primeiro mandato, citando que a democracia é alicerçada nos três Poderes: Judiciário, Executivo e Legislativo e que não existe subordinação de um Poder a outro mas sim, uma relação. Sendo assim, não há necessidade de tratar o prefeito com superioridade e que no seu conceito, a oposição política que faz o trabalho acontecer. Relatou que o secretário Rudi Schneider comentou que não gostaria de te-lo na oposição e Mallmann recomendou à Schneider que não queira o ter como vereador de situação.

José elogiou a postura de João Celso Führ e de Jair Klein que se manifestaram quanto à empresa prestadora de serviço e a questão da saúde.

Agradeceu Anastacia e ao MDB e encerrou sua conversação registrando que escutou comentários de que nunca foi feito tanto por Cruzeiro do Sul como nessa Administração. Concordou com a colocação afirmando que muito está sendo feito mas recordou as colaborações de antigas Gestões como a de José Manoel Ruschel e Silton Erico Weiand.