Presidente Elogia Primeira-Dama Por Organização Em Biblioteca

0
136

O Presidente Adriano Schneider (PSDB) cumprimentou seu vice Leandro Olbermann (PSDB), vereadores, assessores, familiares do senhor Cíceri (in memorian), os empresários Casaco e Xepa, Luciano, Henrique e demais pessoas.

Dando início ao seu pronunciamento, Schneider informou que o engenheiro da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) comunicou através de ligação telefônica que realizarão o recapeamento do trecho Venâncio Aires a Lajeado, sem mencionar sobre o prazo da obra.

Parabenizou a empresa Schneider e da Rosa pela intenção de investir em Cruzeiro do Sul e enfatizou que é necessário trazer empreendimentos ao Município visando arrecadação e emprego. Salientou que é preciso abrir espaço e oferecer incentivos às empresas que tenham interesse em se instalarem na cidade.

Adriano falou sobre a atuação da primeira-dama que, com a ajuda de uma funcionária, estão organizando a Biblioteca Pública Municipal transferindo materiais bibliográficos obsoletos. Explanou sobre a importância do Projeto que disciplina a forma de descarte dessas obras, bem como a sua aprovação. Convidou a população para participar da Feira do Livro, que na avaliação do vereador, é um dos eventos mais importantes do Município e destacou a relevância da leitura na vida de todos.

A respeito das paralisações dos caminhoneiros, o Presidente registrou que já exerceu a profissão e disse que essa classe é a que mais sofre no país. Exemplificou a falta de consideração pelos motoristas relatando que assistiu um vídeo onde um caminhão carregado com frangos tombou em São Paulo, ocasionando no óbito do condutor e mesmo assim, haviam pessoas saqueando o carregamento. Lamentou como muitos são capazes de tal atitude transparecendo o descaso com esses trabalhadores e demostrou sua indignação com o fato. Citou que a paralisação teve por intuito, demonstrar a força dessa classe ao governo e acrescentou que, se for da vontade da categoria, eles param o país. Encerrou sua fala expondo que, para ele, essa manifestação foi uma das mais interessantes que já acompanhou pois não impediram a passagem de veículos vitais para a saúde da população como carga de oxigênio destinados aos hospitais e ambulâncias.